03 de fevereiro de 2018 às 06:49

Estado autoriza fracionamento de vacinas contra a febre amarela em Votorantim

Medida foi anunciada ontem. Município prepara ampliação do esquema de vacinação já a partir da próxima terça-feira

Crédito:Secom/Votorantim

Votorantim está entre os municípios que passaram a receber autorização do governo do Estado para utilizar o sistema de fracionamento nas doses de vacinas contra a febre amarela, dentro dos padrões de intensificação da imunização que está sendo realizada na cidade desde o último dia 12 de janeiro, quando se confirmou a primeira morte por febre amarela silvestre em um dos macacos encontrados mortos no Parque do Matão. O anúncio foi feito ontem de manhã (02), na Diretoria Regional de Saúde (DRS) em Sorocaba, durante reunião com a coordenação do GVE (Grupo de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo) e representantes de municípios da região.

Com isso, a Secretaria da Saúde de Votorantim anuncia a ampliação da imunização para dois novos pontos da cidade, obedecendo os critérios geográficos do GVE em relação à definição dos locais próximos à mata e inseridos nos chamados corredores ecológicos. Além dos dois postos já existentes e da vacinação que prossegue nas escolas do entorno do Parque do Matão, as doses das vacinas passarão ser distribuídas também para as regiões do Jardim Cristal e do Promorar, a partir da próxima terça-feira (06). A Sesa também já planeja a expansão para novos pontos da cidade, um deles a região do Vila Nova Votorantim, assim como a zona rural, entre outras.

A cidade não registra casos de febre amarela em humanos, nem suspeitos em andamento. O secretário da Saúde, Wiliam Roberto Ferreira, destaca que é importante esclarecer que na próxima segunda-feira (05) a imunização na cidade seguirá o mesmo esquema até então adotado, com aplicação de doses integrais, nas UBSs do Parque Bela Vista e do Jardim Clarice, além da vacinação casa a casa no entorno do parque.

Já a aplicação das doses fracionadas passa a ser feita a partir de terça-feira (06), em todos os locais previstos na cidade, tendo em vista que a remessa das seringas especiais para o fracionamento está sendo providenciada pelo Estado e deverá chegar na segunda-feira.

Como será a estratégia

De acordo com a Sesa, a aplicação das vacinas nas regiões do Jardim Cristal e do Promorar vão obedecer a uma estratégia elaborada para que todos os moradores dos bairros sejam vacinados, a partir do chamamento dos mesmos que será feito pelas equipes dos agentes comunitários de saúde, do Programa de Saúde da Família. “Esse trabalho será um facilitador, uma vez que eles já conhecem os moradores e os mesmos receberão um comunicado, encaminhando-os para tomar vacina nas respectivas UBSs”, explica o secretário. Ele complementa ainda que não há motivos para aglomerações e que haverá doses disponíveis e suficientes. 

Fracionamento

O fracionamento corresponde à aplicação de um quinto da dose integral da vacina. Dessa forma, um frasco com cinco doses da vacina padrão pode imunizar até 25 pessoas. E as seringas são especiais para a dosagem, elas são menores e conseguem aplicar doses de 0,1 ml. De acordo com o Ministério da Saúde, a  dose padrão da vacina contra a febre amarela protege uma pessoa por toda a vida, enquanto a fracionada dura por pelo menos oito anos, sendo a imunização recomendada para localidades com evidência de circulação do vírus.

Confira a programação da vacinação

- Segunda-feira (05), doses integrais da vacina:

1. UBs do Parque Bela Vista  - 250 doses, com distribuição de senhas a partir das 7 horas

2. UBS do Jardim Clarice - 250 doses, com distribuição de senhas a partir das 7 horas

3. Equipes casa a casa no entorno do Parque do Matão – 250 doses

- A partir de terça-feira (06), doses fracionadas da vacina:

1. UBs do Parque Bela Vista  - 250 doses por dia, com distribuição de senhas a partir das 7 horas

2. UBS do Jardim Clarice - 250 doses por dia, com distribuição de senhas a partir das 7 horas

3. UBS do Jardim Cristal – 250 doses por dia agendadas pelos agentes comunitários de saúde

4. UBS do Promorar - 250 doses por dia agendadas pelos agentes comunitários de saúde

5.  Equipes casa a casa no entorno do Parque do Matão – 250 doses

6. Segue o planejamento de vacinação nas escolas, para alunos, funcionários e professores das seguintes unidades EMEIEF “Professora Edith Maganini”, na rua Coronel João Carlos de Campos, 359, no Vossoroca, para a terça-feira (6) e na quinta-feira (08), na EMEIEF “Lucinda Rodrigues Pereira Ignácio”, na rua Hortência Maciel de Camargo, 154, no Parque Morumbi. O calendário das demais escolas está sendo finalizado e será divulgado posteriormente. Secom/Votorantim( 03/02/18)

Fonte: Secom/Votorantim

comentários

Estúdio Ao Vivo